Nasce o Projeto Vozes Transeuntes – Mulheres lendo mulheres

O projeto Vozes Transeuntes busca preencher espaços vazios através da leitura de poesias, poemas, sonetos e pequenos contos escritos por autoras de épocas diversas, ressignificando relações e lugares através da itinerância da performance. Com a ideia de que a arte deve existir em todo e em qualquer lugar, as artistas abordam as pessoas em qualquer lugar – seja na fila do banheiro, pátio, corredores, rua, entre outros – justamente para encontrar com o público que não espera o acontecimento, tornando surpresa a abordagem completamente pessoal com a pergunta: “Posso ler para você?” e o texto sortido a ser lido. Dessa forma o público sai do lugar passivo e comum, se tornando parte vital do trabalho, sendo impossível de realizar sem sua presença. Vozes Transeuntes além de resgatar o costume da leitura e da escuta, reaproxima os sujeitos através de conexões não virtuais. Mulheres se juntam para dar vozes a outras mulheres. Mulheres que leem mulheres. Mulheres lendo mulheres.

Surgiu no ano de 2019 fazendo parte do Movimento Ovárias, Sarau da Lau e outros movimentos independentes. Agora o projeto segue para iniciar um novo segmento: o virtual. Entrando na plataforma dos podcasts.

Vozes Transeuntes é composto por três nomes principais: Lucélia Pontes, Mariana Rodrigues e Raissa Xavier, sempre com uma ou mais convidadas para agregar o grupo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.